31 March 2011

Um Caminho Limpo

"Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele" (Provérbios 22:6).
Uma pequena menina seguia seu pai que vistoriava uma nova plantação. Ela andava exactamente por onde seu pai andava.
Em determinado momento ela fala ao pai: "Papai, se você conseguir evitar a lama em seus pés eu também não me sujarei de lama!"
O pai que ama a seus filhos procura andar em um caminho limpo.
Estamos nós conscientes de que somos responsáveis pela vida e futuro de nossos filhos? Temos procurado ser um modelo ou exemplo para eles?
Temos nos esforçado para lhes dar uma educação correta a fim de que sejam vitoriosos e felizes?
Os filhos costumam seguir os passos dos pais.
Vêem o que eles fazem e tentam imitá-los.
Eles são seus heróis, as pessoas que julgam perfeitas e tentam, de todas as formas, parecer com eles.
Um pai que vive bêbado pode conduzir os filhos ao mesmo caminho.
Um pai que não respeita a ninguém não poderá impedir que seus filhos sejam iguais.
Um pai que mente na frente dos filhos não conseguirá fazer com que estes sejam sempre verdadeiros.
Ele pode ser a razão de um futuro vitorioso ou pleno de derrotas para a sua casa. Precisamos cuidar de nossos filhos, conduzi-los pelos caminhos da honestidade e respeito, da verdade e da retidão, da pureza e da humildade.
Precisamos iluminar os caminhos por onde irão passar e, com muito amor e dedicação, ensinar-lhes o caminho de Deus.
Seguros nas mãos do Senhor, eles caminharão em segurança, fortalecerão as esperanças, crescerão em fé, realizarão os bons sonhos, serão mais que vencedores e viverão satisfeitos.
Se você deseja que seus filhos sejam felizes e abençoados, evite os "caminhos de lama"... ande por "caminhos limpos."
DEUS te abencoe meu irmao(a)
Yola Tatiana Veiga Bastos

29 March 2011

Uma Pérola De Grande Valor

"Outros sim, o reino dos céus é semelhante ao homem, negociante, que busca boas pérolas; E, encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo quanto tinha, e comprou-a". (Mateus 13:45-46)
Gibbon contou que uma bolsa brilhante de couro, cheia de pérolas, caiu nas mãos de um soldado raso quando Galerius saqueou o acampamento persa.
O soldado jogou todo o conteúdo fora e guardou a bolsa com cuidado. Homens igualmente tolos, como aquele soldado, passam pela vida.
Eles não conseguem perceber a verdadeira riqueza quando a encontram. (Walter Baxendale)
Que semelhança existe entre nós e aquele soldado?
O que mais nos importa, o verdadeiro tesouro, que nos conforta, nos edifica, nos transforma e nos garante um futuro de plena felicidade ou apenas uma coisa brilhante e inútil, que para nada serve a não ser, um dia, ser jogada fora?
Muitas vezes nos deixamos influenciar pela primeira impressão por uma aparência agradável e tentadora, achando que é o melhor para nós naquele momento. Mas, e depois "daquele momento"? Que representará para nós?
Que frutos nos trará? Que bênção produzirá para a nossa alegria ou para a vida eterna?
Não podemos nos deixar seduzir por coisas brilhantes. O mundo está cheio desses brilhos, inúteis, enganosos, traiçoeiros. Eles podem nos dar prazeres por algum tempo, mas logo o brilho se apaga e nos vemos perdidos e sem rumo. Melhor é buscar o nosso Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador. Ele é o maior tesouro que alguém pode ter. Quem o possui, tem a felicidade e a vida eterna.
O Senhor é o nosso tesouro melhor do que todas as coisas brilhantes do mundo. Ele é o nosso tesouro e nós somos o tesouro dEle.
Somos a Sua pérola de bom preço.
Ele nos comprou, com Seu sangue na cruz.
Ele nos guarda, com muito carinho, com muito amor.
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

Um Filho De Presente

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" (João 3:16).
Durante a Segunda Guerra Mundial, uma mãe caminhava, à noite, com seu filho pequeno. Enquanto seguiam pela rua, o menino notou que, em várias casas, haviam pequenas bandeiras com estrelas pintadas.
"O que significam essas bandeiras com estrelas, mamãe?" perguntou ele. A mãe explicou que as pessoas, naquelas casas, haviam dado um filho para a guerra. Ele percebeu que em algumas casas, haviam duas e até três bandeiras. Após alguns momentos ele olha para cima e vê a primeira estrela no céu.
"Veja, mamãe", disse o menino, "Deus deve ter dado um filho também."
Sim, Deus deu um Filho, não para uma guerra entre nações, mas, para salvar o homem perdido.
Não para os Estados Unidos, mas para toda a terra, para todos que crêem em Seu nome, para todos que o recebem no coração.
Deus deu Seu Filho para que tivéssemos paz e segurança, para que aprendêssemos a amar e perdoar, para que esquecêssemos de toda vaidade, de todo ódio, de tudo que nos leva à morte eterna.
Deus deu Seu Filho, para que eu e você fôssemos um, para que estivéssemos unidos pelo bem da humanidade, para que aprendêssemos a sorrir e viver a verdadeira felicidade.
Deus deu Seu Filho, para que nossas culpas fossem perdoadas e esquecidas, para que nosso nome fosse colocado no Livro da Vida, para que ocupássemos um lugar especial, junto com Cristo, nas moradas eternas celestiais.
Deus deu Seu filho por nós e para nós.
Ele fez isso porque nos amou, porque não queria que um só de nós se perdesse, porque é o nosso Pai amado.
Deus deu Seu filho para o seu coração você já deu o seu coração para Deus?
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

25 March 2011

Grandes Maravilhas

"Disse Josué também ao povo: Santificai-vos, porque amanhã fará o SENHOR maravilhas no meio de vós" (Josué 3:5). Há muitos anos atrás, em uma visita humanitária, o missionário Dan Crawford, junto com seus companheiros na África, se viram bloqueados por uma enchente que fez aumentar o volume de água de um rio que precisavam atravessar. A única coisa que podiam fazer, diante daquele obstáculo, era orar e eles oraram! Quando terminaram suas orações, uma grande árvore tombou sobre o rio formando uma ponte! Com um grito de puro júbilo, eles seguiram adiante e cumpriram a missão que Deus lhes havia confiado. (Gary Bowell) Por que não vemos mais os grandes milagres acontecerem? Por que não vemos as grandes maravilhas que tanto esperamos do Senhor? Por que as nossas orações não produzem mais os grandes efeitos do passado? O Senhor é o mesmo; Seu poder é o mesmo; Seu desejo de abençoar é o mesmo...
Mas, nós não somos mais como os homens do passado! A nossa fé é vacilante, nossa esperança é frágil, nosso amor ao Senhor é insignificante, nossa determinação espiritual é quase nula. Buscamos ao Senhor por interesse, oramos por mera rotina, vamos aos cultos quando nada temos de melhor a fazer. O poder da igreja é fraco porque não confiamos verdadeiramente no Senhor. Josué conclamou o povo a se santificar. E o povo obedeceu! Hoje somos convocados para buscar a Deus, para manter o coração puro, para glorificar ao Senhor em tudo que fazemos, porém, quase sempre nos mantemos indiferentes a qualquer convocação. Queremos ver as maravilhas; queremos ver os milagres; queremos ganhar muito dinheiro; queremos conquistar o mundo, mas, não queremos nos submeter à vontade do nosso Deus e nem abrir mão de nossos próprios prazeres materiais. As grandes maravilhas são conseguidas com santidade. Os grandes milagres são obtidos com obediência e fé. Uma vida abençoada é fruto de uma plena comunhão com o Senhor Jesus Cristo. Você quer ver Deus agindo em sua vida? Siga o conselho de Josué! DEUS te abencoe meu irmao(a)
Yola Tatiana Veiga Bastos

24 March 2011

Ninharias

"E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição" (Colossenses 3:14).
Um amigo viu, certa vez, Michelangelo trabalhando em uma de suas esculturas. Depois de um certo tempo, viu-o trabalhando novamente e, não percebendo muito progresso no trabalho, perguntou: "Você não fez nada desde que estive aqui da última vez?"
"Claro que fiz", respondeu o escultor.
"Eu retoquei esta parte e poli isto aqui; Eu suavizei esta característica e destaquei aquele músculo; Eu dei mais expressão para este lábio e mais energia para este membro". "Bem, bem", disse o amigo, "todos estes são ninharias". "Pode até ser", Michelangelo Respondeu, "mas lembre-se que ninharias produzem perfeição e esta perfeição não é nenhuma ninharia." Temos nós buscado a presença do Senhor para um maior relacionamento com Ele e um crescimento em nossa vida espiritual?
Temos procurado conhecer a Palavra de Deus para uma maior compreensão da Sua vontade e, desta forma, poder glorificá-lo em todas as nossas atitudes?
Temos dedicado um tempo de oração para ouvir a voz de Deus
e saber o que Ele tem para nós? Às vezes pensamos que tudo isso é dispensável e que basta ter levantado, um dia, a mão para o Senhor que tudo mais é automático. Achamos que ir aos cultos, fazer visitas aos enfermos ou ausentes, participar dos departamentos de nossas Congregações ou distribuir um folheto evangelístico são "ninharias" espirituais que nada acrescentarão ao fato de já sermos cristãos.
Chegamos mesmo a dizer que "ninguém é perfeito" e que
ninguém deve pensar em perfeição.
O apóstolo Paulo nos diz que devemos crescer em Cristo e que o amor é o vínculo da perfeição. Eu sei que somos pecadores e temos muitas falhas, mas, em meu viver diário, eu peço ao Senhor que me revista de Sua graça e que me faça melhor a cada dia. Fico muito feliz quando Jesus trabalha em mim, moldando minha vida de acordo com a Sua vontade.
Eu o amo e amo a todos que precisam da salvação.
Sei que não sou perfeito, mas, o caminhar em direção à
perfeição em Cristo é o que mais desejo e busco. E você, ainda acha que tudo é ninharia e sem importância? DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

23 March 2011

Somos Observados

"E ela disse a seu marido: Tenho observado que este que passa sempre por nós é um santo homem de Deus" (2 Reis 4:9). Uma secretária executiva disse, em certa ocasião: "Quando eu comecei a pressentir Jesus, de pé atrás de meu chefe, meu trabalho mudou. Eu tive que melhorar muito o meu desempenho. Até a humilde tarefa de servir café se tornou um prazer para mim e minha atitude arrogante se transformou em respeito." Que testemunho temos dado nos lugares onde passamos nossos dias? Como nossos colegas de trabalho ou estudo olham para nós? O que vêem em nós? Quais as suas atitudes em relação a nós? Estamos despertando respeito ou indiferença? Estamos iluminando ou escurecendo os ambientes? Estamos engrandecendo o nome de nosso Senhor ou envergonhando-O? Quando permitimos a presença do Senhor junto a nós, as pessoas percebem, agem de forma diferente, desfrutam da alegria que nós sentimos, são edificadas e abençoadas como nós. Quando dizemos que somos cristãos e não mostramos nenhum brilho, ou transformação, ou atitudes santas, as pessoas não acreditam em nós, nem nos respeitam, nem experimentam mudanças. E se agimos assim, somos enganadores de nós mesmos, porque se as pessoas que convivem conosco não são iludidas, muito menos o nosso Deus, que tudo conhece e tudo vê. A secretária de nossa história foi muito abençoada por seu chefe ser um fiel seguidor de Cristo. E nós precisamos abençoar a todos da mesma maneira. Devemos ser um exemplo em nossa casa e fora dela. Devemos glorificar ao Senhor na igreja e fora dela. Devemos ser firmes na fé em qualquer lugar onde estejamos. Quando alguém olha para você, pressente a presença de Cristo ou não percebe nada?
DEUS te abenoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

22 March 2011

Acordemos... Já É Tarde!

"Prepara-te, ó Israel, para te encontrares com o teu Deus" (Amós 4:12). Conta-se a história de um velho fazendeiro cujo relógio carrilhão, herdado do avô, ficou maluco e, certo dia, bateu quatorze vezes à meia-noite. Ele deu um salto da cama e disse: "Acorde Nely, é mais tarde do que qualquer tempo anterior!" Podemos dizer, com segurança, que é mais tarde do que podemos imaginar. Estamos vivendo os últimos momentos dos últimos tempos. E se estamos vivendo os tempos finais, que temos feito para nos preparar para o grande dia em que estaremos diante de Deus? Temos procurado colocar nossas vidas diante do Senhor, obedecendo à Sua Palavra, deixando que Ele guie nossos passos e nos conduza pelo caminho da salvação ou nos mostramos indiferentes, descuidados, alheios a tudo que é espiritual? A igreja de Cristo, nós, precisa cumprir o seu papel no mundo em que vive. Fomos chamados para brilhar e iluminar os ambientes; fomos convocados para anunciar o Evangelho; fomos separados para mostrar aos perdidos o caminho dos Céus; fomos enviados para motivar os pecadores a buscar uma vida de santidade. Os tempos estão se findando. Não podemos ignorar essa realidade. Os sinais bíblicos estão se cumprindo e, se desejamos viver para sempre com Deus, precisamos estar preparados para isso. Se almejamos que todos estejam preparados, precisamos preparar-nos primeiro. Como proclamar uma experiência que não temos? Como estimular alguém se não estamos estimulados? Como falar de salvação se não temos a certeza de estarmos salvos? É hora de todos acordarem. Nós, cristãos, devemos estar acordados. Já é bem tarde! DEUS te abencoe meu irmao(a). Yola Tatiana Veiga Bastos

Para Onde Estamos olhando?

"Olhando para Jesus, autor e consumador da fé" (Hebreus 12:2). "A derrota vem de olhar para trás. A distração vem de olhar em volta. O desânimo vem de olhar para baixo. A libertação vem de olhar para cima." Para onde estamos olhando? Qual o foco de nossa vida? O que queremos ver e o que esperamos encontrar na direção para onde estamos olhando? Há pessoas que olham constantemente para trás; para justificar suas queixas, para murmurar dos tropeços, para lamentar as derrotas. Há pessoas que nunca percebem o quanto são abençoadas, o quanto Deus lhes ama, o quanto perdem oportunidades de realizar os sonhos. Estão sempre distraídas espiritualmente e só conseguem enxergar os problemas que enfrentam. Há pessoas que desistem facilmente, não lutam e nem se esforçam, não perseveram quando sofrem o primeiro revés. Estão, em todo tempo, olhando para trás, em volta ou para baixo. Quando olhamos para o lugar errado, vemos o que não queremos ver ou o que não devíamos ver. Erramos a direção do olhar e, ao mesmo tempo, erramos o caminho a seguir. E se erramos o caminho, perdemos a paz, as bênçãos e a felicidade. Eu prefiro olhar para cima, para o Senhor Jesus Cristo, para o autor de minha fé. Ele me impede de estar distraído em relação à minha vida espiritual, de desanimar diante dos obstáculos do caminho, de sentir-me derrotado quando a vitória demora a chegar. Sim, é para Ele que eu olho desde que acordo até a hora em que volto a dormir. É para Ele que eu olho quando preciso tomar alguma decisão. É para Ele que eu olho sempre, para agradecer, por eu ser tão feliz. Você também compreende que, para ter uma vida vitoriosa, precisa olhar para cima?
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

19 March 2011

Com Alegria E Entusiasmo

"Cantai ao SENHOR, porque fez coisas grandiosas; saiba-se isto em toda a terra" (Isaías 12:5). Uma Missionária conta que, certa vez, descrevia o caráter amoroso do deus dos cristãos para um grupo de mulheres chinesas. Enquanto ela retratava, com um entusiasmo santo, a misericórdia de Deus pelos pecadores e por todos os que sofrem, uma das chinesas se virou para outra, que estava a seu lado, e disse: "Bem que eu, frequentemente, lhe dizia que deveria haver um Deus assim." A nossa ilustração mostra um detalhe interessante: a mulher chinesa, sem conhecer ao Senhor, já falava, com insistência, a uma amiga, sobre a possível existência de um Deus de amor e misericórdia. E o que dizer de nós, que conhecemos e provamos da bondade incomparável de Deus? Que dizer de nós, que, no dia em que abrimos o coração para o Salvador, tivemos os pecados perdoados e a vida transformada? O que dizer de nós, que outrora andávamos perdidos e sem alegria e hoje desfrutamos das ricas e poderosas bênçãos do Senhor? Temos, também, compartilhado com todos a grande experiência que mudou o rumo de nossos passos? Tenho certeza de que aquela missionária, em terras chinesas, tinha motivos de estar entusiasmada com o que dizia. Não eram palavras estudadas ou decoradas, mas, a realidade do júbilo que enchia sua alma e seus dias. Ela amava ao Deus que a amava, ela obedecia ao Deus que a havia resgatado do pecado. Ela brilhava pela presença do Espírito do Senhor em sua vida. O que Deus faz é tremendo. Eu também estou entusiasmado. Não posso deixar de falar do Salvador, não posso deixar de cantar e glorificar o Seu nome. Não posso impedir que o mundo saiba o quanto eu sou feliz!
DEUS te abencoe meu irmao (a).
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Quanto Você Paga? Quanto Você Oferece?

"Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me" (Marcos 8:34). Os homens hoje querem saber : quanto o trabalho paga? O que você oferece? A história conta que, quando Garibaldi partiu para libertar a Itália, ele viu alguns jovens de pé em uma esquina e lhes perguntou se gostariam de se alistar em sua causa. "O que você oferece?" eles perguntaram. "O que Ofereço?" Garibaldi respondeu. "Eu ofereço a vocês sofrimento, fome, trapos, sede, noites acordadas, pés feridos por longas caminhadas, inumeráveis privações, e, finalmente, vitória na causa mais nobre que vocês já enfrentaram." A jovem Itália o seguiu! Muitos de nós procuramos uma igreja com um forte pensamento: "O que Deus me oferecerá? O que Ele me dará em troca de minha participação? O que lucrarei tornando-me um cristão? Que benefícios terei em deixar os prazeres deste mundo para enfiar-me em um local onde as pessoas cantam, oram e glorificam a Deus? E, compreendendo o interesse daqueles que buscam as reuniões, muitos líderes deixaram de falar em Jesus como Senhor e Salvador para enfatizar apenas que "Ele dá prosperidade e muito dinheiro aos que O buscam". Mas, será esse o ensino mostrado pelo Senhor em Sua Palavra? Teria sido isso mesmo que Ele prometeu? Ele disse aos Seus discípulos: "No mundo tereis aflições". Ele também aconselhou: "Quem quiser vir após mim, pegue sua cruz e siga-me". E, para segui-lo, é necessário que renunciemos aos nossos interesses, aos deleites carnais, aos sonhos puramente materiais. Ele não disse que seríamos empresários ricos se déssemos tudo o que temos e nem afirmou que poderíamos comprar Suas bênçãos. Ele apenas nos garantiu que, se tivéssemos bom ânimo, venceríamos o mundo. Não pergunte ao Senhor o que Ele lhe oferece. Ofereça-se a Ele e, tenha certeza, estará começando a ser verdadeiramente feliz.
DEUS te abencoe meu irmao(a)
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

15 March 2011

Vidas Inanimadas Ou Cheias De ânimo

"Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares" (Josué 1:9). "Coisas inanimadas são cientificamente classificadas em três categorias principais: aquelas que não funcionam, aquelas que quebram e aquelas que se perdem." (Russell Baker) O que temos sido diante de nosso Senhor e Salvador? Qual tem sido o nosso comportamento? Qual tem sido a nossa participação no estabelecimento do reino de Deus? Temos sido ativos? Temos nos apresentado dizendo: "Pode contar comigo?" Deus chamou pessoas e não coisas inanimadas. Ele chamou aqueles que são fortes e corajosos e não se envergonham do Evangelho. Ele conta conosco para buscar as ovelhas perdidas e não com aqueles que não funcionam, que estão acomodadas ou que se mostram indiferentes. Ele espera que sejamos firmes e inabaláveis, que não venhamos a sucumbir diante dos ventos das dificuldades e nem quebrar de desânimo diante de possíveis frustrações ou decepções. Ele nos fortalece para que busquemos os perdidos e jamais venhamos a nos perder. Não somos coisas e sim filhos amados de Deus. Não somos inanimados e sim muito animados por sermos salvos, por sermos escolhidos, por nossos nomes estarem gravados nos Céus, por termos uma vida abundante e feliz, por estarmos caminhando junto a nosso Senhor e Salvador, o Rei dos reis e Senhor dos senhores. E se somos vidas animadas, deixemos para trás as queixas e murmurações, o pessimismo e as incertezas, a velha natureza que aceitava derrotas. Somos diferentes... somos luz do mundo... somos mais que vencedores! Sua vida é inanimada ou cheia de animação? DEUS te abencoe meu irmao(a). Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

14 March 2011

Dois Tipos De Pessoas

"... e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora" (João 6:37). Existem apenas dois tipos de pessoas: aquelas que dizem para Deus "tua vontade seja feita" e aquelas para quem Deus dirá no fim "tua vontade seja feita". Todos que passarão a eternidade sem Deus, fizeram essa escolha. Ninguém que tenha feito escolha diferente ficará longe de Deus. Nenhuma alma que deseja ardentemente a alegria verdadeira, deixará de experimentá-la." (C.S. Lewis) É verdadeira a afirmação de Lewis. Cabe a nós escolher o lugar onde passaremos a eternidade -- com Deus ou sem Ele. Quando nossa escolha é fazer a vontade do Senhor, não apenas estamos assegurando um lugar no Céu, para sempre, mas passamos a desfrutar de uma vida nova, cheia de regozijo e plena de conquistas espirituais. Caminhamos seguros e confiantes de que estamos no rumo certo e, mesmo debaixo de tormentas, sempre vislumbraremos os raios de sol das bênçãos de nosso Deus. Quando escolhemos rejeitar a Deus, perdemos a oportunidade de gozar de Sua companhia, de ouvir a Sua voz amorosa, de sentir as carícias de Suas mãos carinhosas, de poder, nos momentos de dificuldades, ouvir: "não temas que eu estou aqui, a seu lado". Se escolhemos fazer a vontade de Deus, temos o nosso nome escrito no Livro da Vida e ouviremos, naquele último dia, o convite de nosso Salvador: "Vinde, benditos de meu Pai". Se escolhemos fazer exclusivamente a "nossa vontade", a única coisa que poderemos ouvir, quando estivermos diante do trono do Senhor, será: "Tua vontade seja feita"... e mais nada! Que tipo de pessoa é você? A que faz a vontade de Deus ou a que faz sua própria vontade? DEUS te abencoe meu irmao(a) Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

11 March 2011

Brilhando Como Um Dia Perfeito

"Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito" (Provérbios 4:18). Jeremy Taylor nos deixa o seguinte relato: "Um certo povo escolheu adorar o sol porque acreditava que ele era um deus dia e que ele desaparecia toda noite no mar ou que ele não tinha nenhuma influência sobre outra luz, como a do fogo das velas. Eles confiavam que podiam ser ateus durante toda a noite e fazer tudo que queriam." Muitos cristãos , hoje, agem da mesma maneira. São religiosos durante o dia (o período em que julgam ser observadas) e completamente diferentes durante a noite (o período em que se sentem livres dos olhares dos irmãos). Usam uma máscara na igreja e retiram-na quando estão fora dela. Será essa a forma correta de viver nossa vida espiritual? Podemos enganar a Deus? Ele não desaparece no mar quando o sol se põe e nem deixa de nos contemplar em todas as nossas atitudes. As únicas pessoas enganadas, quando agimos assim, somos nós mesmos. Perdemos a oportunidade de desfrutar das ricas e maravilhosas bênçãos de nosso Senhor e Salvador. O nosso Deus é tanto do dia como da noite e nós precisamos ser fiéis, tanto durante o dia como durante a noite. Devemos glorificar o nome de Jesus quando estamos no templo ou longe dele; quando estamos junto aos irmãos ou em nossas casas; quando estamos no trabalho ou em férias na praia. É sempre dia quando exercitamos a nossa vida cristã. Seria possível, para nós, esconder alguma coisa do Senhor? Poderíamos nos ocultar de Sua presença? Podemos nós ter "duas caras", uma para Deus e outra para o mundo? E se a resposta é "não", por que ainda insistimos?

DEUS te abencoe meu irmao(a).

Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Um Salvador

"E diziam à mulher: Já não é pelo teu dito que nós cremos; porque nós mesmos o temos ouvido, e sabemos que este é verdadeiramente o Cristo, o Salvador do mundo" (João 4:42). De acordo com uma antiga lenda, um viajante se perdeu no caminho e acabou preso em areia movediça. Confúcio viu a situação difícil do homem e disse: "É evidente que aquele homem deveria ficar fora de um lugar como esse". Próximo a ele, Buda observou a situação e falou: "Deixe que o seu empenho sirva de exemplo para o resto do mundo". Então, Maomé se aproximou do homem que estava afundando e lhe disse: "Ai, esta é a vontade de Deus". Finalmente, Jesus apareceu. "Tome minha mão, irmão," Ele disse, "e eu salvarei você". Sim, o Cristianismo é quase o único a ter um Deus Salvador. É claro que o texto acima é apenas uma lenda. Porém, é verdade que nós, cristãos, temos o privilégio e a grande bênção de poder contar com um Deus Salvador, cheio de amor, que perdoa os nossos pecados e transforma as nossas vidas, oferecendo-nos a oportunidade de viver abundantemente aqui neste mundo e para sempre, com Ele, nos Céus de glória. Se enfrentamos dificuldades em nossa caminhada, podemos contar com Sua companhia e ajuda. Se nos sentimos sós e angustiados, Ele assegura que está ao nosso lado, como um Amigo verdadeiro e inseparável. Se os nossos dias são nebulosos e tempestuosos, Ele se apresenta como o nosso Sol de Justiça. Em qualquer circunstância Ele está conosco e não nos abandona jamais. Ele é o nosso Salvador. Se estamos perdidos, se estamos desanimados, se estamos afundando em decepções, se estamos presos a infortúnios, se estamos caídos e sem forças, Ele nos estende a mão. Basta apenas que o busquemos, que confiemos nEle, que o recebamos em nossos corações. Não temos um Deus que nos ignora e sim um Deus que nos ama e cuida de nós 24 horas por dia. Sou muito feliz por ter um Salvador. E você?
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

5 March 2011

Pressa Espiritual

"Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor" (Salmos 40:1). Muitos anos atrás, um jacto bombardeiro da Marinha americana caiu no deserto de Nevada, durante teste de artilharia colocada em sua asa. O jacto estava voando em velocidade supersônica, mas, as bombas de sua artilharia eram subsônicas. O que aconteceu foi trágico. O jacto chocou-se com as bombas que acabara de lançar segundos antes. O jacto estava se movendo muito rápidamente. Algumas vezes nos movemos rápido demais na busca de uma bênção espiritual. Deus fala e, por causa da rapidez com que nos movemos, não O ouvimos. Devemos ter cuidado para que a pressa não nos impeça de ouvir o som da Palavra de Deus. O melhor é estarmos sempre no centro de Sua vontade. O salmista nos diz: "Esperei com paciência no Senhor". Por que não seguir seu exemplo? Aguardar, quieto e sem pressa, é, quase sempre, a forma mais rápida de alcançar a bênção desejada. Quando confiamos no Senhor, a possibilidade da vitória é certa. Ele conhece o tempo e a forma de atender às nossas necessidades. Quando nos apressamos na busca da realização de algum sonho, confiando em nós mesmos, o resultado pode ser tão trágico quando o de nossa ilustração. Podemos perder o rumo, podemos cair após um choque com nossa incompetência, podemos perceber que a pressa nos fez deixar para trás a bênção tão ardentemente sonhada. Se estamos buscando, há muito tempo, uma resposta do Senhor, esperemos um pouco mais. Se almejamos uma grande conquista e muito tempo já passou, esperemos um pouco mais. Se a nossa esperança já nos fez esperar bastante, esperemos ainda um pouco mais. A paciência, com fé em Deus, é a forma mais rápida de alcançar todas as vitórias. Você está com pressa? Então Espere!
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

2 March 2011

Buscando A Minha Ovelha

"Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida" (Lucas 15:6). Um famoso líder religioso do passado, refletindo em uma história que ouviu a respeito de um montanhês dos Alpes que arriscara sua vida para salvar uma ovelha, disse ao Senhor: "Oh Deus, se tal era a seriedade deste pastor em buscar um mero animal que provavelmente havia sido congelado na geleira, como posso eu ficar indiferente na busca de minha ovelha." Deus ama a todos. Ele é o Supremo Pastor e providencia para que todas as Suas ovelhas sejam conduzidas, em segurança, ao aprisco eterno. Ele não quer que nenhuma se perca. E Ele nos escolheu para ir em busca de cada uma delas. É um trabalho que nos enche de júbilo e satisfação. Estar fazendo a obra de Deus é o que de mais maravilhoso pode acontecer na vida de um cristão. Eu amo o que faço e estou glorificando ao Senhor a cada instante por ter me dado tão grande privilégio. Poderia eu, que estava perdido, sem alegria no coração, sem uma motivação real de vida e sem perspectiva de um futuro vitorioso, e que fui achado, transformado, revestido de uma felicidade verdadeira, deixar de procurar transmitir a mesma bênção para outros que ainda não foram salvos? A resposta é clara e definitiva: Não! A minha vida era sombria e agora brilha pela presença do Senhor. Todos precisam saber disso. Eu vivia sem paz no coração e agora ele transborda de regozijo. Todos precisam saber disso. Eu estava perdido e fui achado. Todos precisam saber disso. Eu não posso ficar calado. Não posso estar indiferente à vontade de Deus. Não posso ficar acomodado, enquanto muitos continuam desgarrados, como eu estava, sem a maravilhosa presença do Senhor no coração. Você tem buscado a sua ovelha?
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

''Eu te amo'' ou "Bom dia?''‏

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu filho unigênito para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna." (João 3:16)
Amor! Uma palavra usada tão banalmente nos dias de hoje, que é quase tão usual quanto um bom dia que dizemos a alguém na rua, apenas para pedir uma informação, por exemplo: Recados de amigos no ORKUT, status no FACEBOOK, paqueras no MSN...
Ah, eu amo fulano; eu amo Sicrano; eu te amo; Não vivo sem você, amor da minha vida...
Está tão fácil dizer "eu te amo" sem nem conhecer direito a quem se está presenteando essa declaração. Sinceramente, a verdadeira essência dessa palavra está se perdendo no tempo, onde relacionamentos não são mais duradouros, casamentos se desfazem como a mesma velocidade e facilidade que se diz "eu te amo" pela primeira vez.
Essa era digital que vivemos actualmente, onde as pessoas não têm tempo para manter verdadeiros relacionamentos interpessoais, está transformando nossas vidas em meras máquinas de trabalho, de produção em larga escala, muitas das vezes como um computador e nos fazendo esquecer do romantismo, da amizade, do carinho e da sinceridade num relacionamento.
Será que ainda existe amor verdadeiro na humanidade, como o amor de Deus, que deu Seu único Filho para nos salvar, amor incondicional como o que o apóstolo Paulo relata em sua carta aos Coríntios?
Quero acreditar que sim, pois, um relacionamento com amor verdadeiro é como uma plantação bem irrigada que gera lindos frutos. Vamos reflectir sobre esse assunto e pedir a Deus que nos encha desse verdadeiro amor para que possamos retransmiti-lo, com sinceridade no coração, para todos aqueles a quem realmente amamos.
DEUS te abencoe meu irmao(a), abraco.
Yola Tatiana Veiga Bastos

O Que Acreditamos?

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas. Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome" (Salmos 23:1-3). Um investigador perguntou a um cristão: "O que você acredita sobre Deus?" "Eu acredito no que minha igreja acredita", disse o cristão. "E o que sua IGREJA acredita?" perguntou o investigador. "Minha igreja acredita no que eu acredito" disse o cristão. "E o que você E a sua igreja acreditam?" perguntou o investigador. "Ora, nós dois acreditamos a mesma coisa!" disse o cristão. E o que nós acreditamos sobre Deus? O que Ele tem representado em nosso viver diário? Ele tem ocupado o papel principal em nossas decisões ou o temos tratado com indiferença? Nós, que somos a igreja do Senhor, o templo do Espírito Santo, seremos muito mais felizes e abençoados se Deus ocupar o papel principal em todos os nossos dias. Quando abrimos nossos corações para o Senhor entrar, caminhamos seguros e tranquilos, sabemos por onde andamos e aonde estamos indo, não tememos mal algum porque Ele é o nosso Pastor amado. Eu acredito que Deus é o Guia de todos os meus passos, que tem o melhor para todas as áreas de minha vida, tanto material como espiritual, que me ajudará a realizar todos os meus sonhos, que me fará sempre mais que vencedor. E o que você acredita? Você crê que o Senhor não lhe deixará faltar nada? Você crê que Deus sempre dirigirá seus passos por caminhos de bênçãos? Você crê que as tormentas que as vezes se abatem sobre você, logo se transformarão em bonança e paz? Você crê que é herdeiro, em Cristo, das moradas celestiais, para sempre? E se crê, não deixe jamais a tristeza lhe abater. Viva feliz... sorria! DEUS te abencoe meu irmao(a), abraco. Yola Tatiana Veiga Bastos