31 August 2011

Amor, Sim - Egoísmo, Não


"E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em
verdadeira justiça e .santidade... para que tenha o que
repartir com o que tiver necessidade" (Efésios 4:24, 28).


Algumas roupas foram enviadas para uma colônia de leprosos,
para que fossem distribuídas entre os internos. Perguntaram,
a um menino, de qual roupa ele mais necessitava. Ele
respondeu: "Minhas mãos ainda estão boas e, assim, eu posso
remendar minhas roupas quando elas precisam de conserto.
Existem, porém, alguns cujas mãos não podem mais fazer esse
trabalho. Quando suas roupas apresentam buracos, eles não
podem remendá-las e os buracos vão ficando cada vez maiores
até que as roupas não podem mais ser usadas. Eu sou muito
grato a Deus porque minhas mãos estão boas. Por favor, levem
as roupas para aqueles que não podem remendar suas próprias
roupas. Eles estão mais necessitados do que eu."


Como seria bom se mostrássemos a mesma generosidade. Não
deveríamos murmurar e reclamar, quando sabemos que existem
pessoas mais necessitadas do que nós.


Por que somos tão egoístas? Por que estamos querendo sempre
ter mais e mais, quando o que temos já é mais do que
suficiente para as nossas necessidades? Por que lembramos
apenas de nós mesmos, não nos preocupando com aqueles que,
ao nosso redor, estão carentes de tantas coisas de que temos
de sobra?


Nosso egoísmo não se restringe às coisas materiais. Queremos
ter dois, três ou mais cargos na igreja, ignorando aqueles
que desejam fazer alguma coisa sem conseguir. Queremos que
os nossos amigos sejam exclusivos e ficamos magoados quando
os vemos sair com outros amigos. Queremos que todos os
holofotes sejam dirigidos a nós, não aceitando que outros
recebam algum reconhecimento ou aplauso. Somos os melhores
em tudo e queremos que todas as coisas aconteçam por nós e
para nós. O importante sou eu e os demais...


Quando Cristo entra em nossas vidas, o egoísmo é expulso e o
amor assume o comando de todas as nossas atitudes. Os nossos
dias se tornam muito mais agradáveis e a nossa felicidade
não tem mais fim.

DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos


26 August 2011

Qual O Preco?



"Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os
homens, Jesus Cristo homem. O qual se deu a si mesmo em
preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu
tempo" (1 Timóteo 2:5, 6).


Um texano, que fez grande fortuna, provavelmente com
petróleo, mas que jamais se importou com Deus, visitou um
pastor e lhe contou sobre sua negligência espiritual. Logo
em seguida, ofereceu uma contribuição de 100 mil dólares. O
pastor,recebeu, com muita alegria, a doação do texano.
Contudo, o Céu não pode ser comprado com dinheiro.


Não é raro, nos dias de hoje, ouvirmos expressões, tais
como: "Quanto mais você ofertar, mais bênçãos vai receber";
"se você der pouco, receberá pouco"; "Deus quer ver se você
é realmente fiel - não dê apenas 10%, mas 20, ou 30, ou 50,
ou tudo!". Muita gente, angustiada, com sérias dificuldades
financeiras, oferecem o que têm e o que não têm, aumentando
ainda mais o seu desespero. Porém, Deus não vende um lugar
nos Céus e nem as Suas preciosas bênçãos. Todas as ofertas
que damos para a obra do Senhor devem ser oferecidas por
amor, por gratidão, pelo desejo de ver as vidas salvas do
pecado, e não para receber isso ou aquilo. Um real, dado com
amor e alegria, vale mais do que os 100 mil dólares dados
para receber algo em troca.


As nossas igrejas estão cheias de pessoas querendo comprar a
graça de Deus. Mas, a graça é obtida por fé e não por um
cheque ou uma nota qualquer. Vamos à igreja porque amamos ao
nosso Senhor, porque Ele é nosso melhor Amigo, porque
podemos contar com Sua proteção e carinho, porque Ele é a
razão de nossa felicidade.


Jesus nos ensinou a orar corretamente e em Seu modelo de
oração, o "seja feita a Sua vontade" vem antes de "o pão
nosso de cada dia nos dá hoje". Quando depositamos a nossa
oferta no altar de Deus, como aquela viúva das poucas
moedas, o fazemos porque O amamos, porque não podemos viver
sem Ele, porque Ele é nosso Senhor e Salvador, porque nos
preparou o Seu reino desde a fundação do mundo, porque nos
chamará pelo nome, acrescido de "benditos de meu Pai". A
igreja do Senhor tem suas despesas, a obra do Senhor tem
suas despesas, os que trabalham na casa do Senhor são dignos
de receber seus salários. É para isso que serve o nosso
dinheiro, é para isso que o entregamos como oferta de amor.
Ele não compra nossa redenção e nem limpa nenhum de nossos
pecados.


O preço de nossa salvação já foi pago, pelo Senhor, com
sangue, na cruz.

DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

25 August 2011

Deixe A Glória Brilhar


"Levanta-te, resplandece, porque vem a tua luz, e a glória
do SENHOR vai nascendo sobre ti" (Isaías 60:1).


"A glória de Deus é o homem vivendo abundantemente e a vida
abundante do homem é a visão da glória de Deus." (Irenaeus)


Muitos cristãos acham entediante pensar na vida celestial. O
mesmo pensamento têm a respeito de adoração. Porém, não
deveria ser dessa forma. Não há nada que possa produzir mais
gozo e prazer do que estar na presença do Senhor. Cada
momento em oração é um refrigério para a nossa alma e um
motivo de júbilo para nossos corações. A oração nos
fortalece, nos anima, nos faz recuperar as forças
espirituais. Quando gastamos um pouco de nosso tempo diante
de Deus, adorando-O e glorificando o Seu nome, nos sentimos
fortalecidos e somos capazes de enfrentar, com muito mais
coragem e ousadia, os problemas que possam surgir à nossa
frente.


O verdadeiro cristão precisa viver abundantemente. E para
que isso aconteça, não pode se afastar da presença do
Senhor. Desta forma ele obtém vitórias em suas lutas,
resplandece em seu testemunho, brilha e ilumina os ambientes
por onde passa. A glória do Senhor está presente em tudo o
que faz. Ele não se desvia do caminho porque seus olhos
espirituais estão dirigidos a Deus e é o Senhor quem o faz
caminhar com firmeza e segurança.


Como diz um antigo cântico jovem: "Deixe a glória de Deus
brilhar, deixe a glória de Deus brilhar, Deixe a glória de
Deus brilhar, deixe a glória de Deus brilhar; Deixe a glória
de Deus brilhar, Deixe a glória em seu rosto brilhar; Deixe
a glória de Deus brilhar em seu rosto, deixe a glória de
Deus brilhar."


Você acha que orar e adorar ao Senhor é chato? Você tem
agido com indiferença quando seus irmãos se reúnem para
buscar a presença do Senhor? Talvez seja exatamente isso que
esteja faltando para que você seja feliz e tenha uma vida
vitoriosa. Ainda há tempo de você deixar a glória de Deus
brilhar em seu rosto.
DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

24 August 2011

Como Nuvem Passageira? Não!



"... como nuvem passou a minha felicidade" (Jó 30:15).


"Nós agimos como se o conforto e o luxo fossem os requisitos
principais da vida, quando tudo de que necessitamos para
alcançar a felicidade é alguma coisa que nos deixe
entusiasmados." (Charles Kingsley, Escritor - 1819 - 1875)


É uma grande ilusão achar que o dinheiro é a fonte de toda
felicidade. Ele nos fornece uma vida confortável, é verdade,
mas, o conforto por ele produzido, nem sempre nos conduzirá
a dias realmente felizes. Se assim fosse, por que nem todos
os ricos são felizes? Por que muitos deles se enveredam pelo
mundo dos vícios e jamais encontram o caminho da vida
abundante? Por que alguns deles, ainda bem jovens, morrem em
profunda tristeza?


O dinheiro pode trazer luxo, mas, não traz entusiasmo. Pelo
contrário, a facilidade de se ter tudo com o dinheiro tira o
prazer da conquista, da realização dos sonhos, do desafio à
vitória. O dinheiro até pode ser o prêmio da conquista, mas,
não deve ser o combustível para alcança-la.


Quando temos dinheiro e ajudamos alguém, o ato é mecânico e
comum. Quando não temos dinheiro, mas, movidos pelo amor,
ajudamos alguém, mesmo que a ajuda seja pequena, o nosso
coração se enche de regozijo e o entusiasmo por estarmos
obedecendo à vontade de Deus nos enche de grande felicidade.


Assim como o dinheiro pode acabar, como um tesouro pode
desaparecer, como o conforto pode deixar de existir, assim é
também a felicidade alicerçada em coisas materiais. É como
uma nuvem que aparece no céu. Ela surge bem distante...
passa por cima de nossas cabeças... e... vai embora... até
desaparecer completamente.


O nosso entusiasmo é ter Jesus no coração. Esta é a nossa
grande felicidade. É um entusiasmo definitivo e não
passageiro como uma nuvem. Ele nos acompanhará todos os dias
da vida.

DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Tatiana Veiga Bastos

23 August 2011

Um Retrato Novo



"Mas agora, ó SENHOR, tu és nosso Pai; nós o barro e tu o
nosso oleiro; e todos nós a obra das tuas mãos" (Isaías
64:8).


"Esteja mais preocupado com seu caráter que sua reputação,
porque seu caráter é o que você realmente é, enquanto sua
reputação é meramente o que outros pensam que você é." (John
Wooden - Treinador de basquete)


O que nos traz mais apreensão: o que somos verdadeiramente
ou o que os outros pensam que somos? Preocupa-nos mais o
nosso íntimo ou o exterior? Esforçamo-nos em mostrar os
verdadeiros sentimentos ou a capacidade de sermos
hipócritas?


Muitas vezes somos elogiados, distinguidos, homenageados e
até recomendados por atitudes falsas, fabricadas, enganosas,
imerecidas. As pessoas pensam que somos o que não somos.
Vêem em nós valores que não existem. Impressionam-se por uma
embalagem que encobre um interior vazio e mentiroso.


Se o que está escrito acima é um retrato nosso, precisamos
imediatamente mudá-lo. Não basta fazer retoques com um
photoshopp espiritual -- precisamos de um retrato novo. E
para isso, a melhor decisão é chamar o "retratista" Jesus
Cristo. Ele, com muito amor, nos toma nas mãos e, como um
oleiro que trabalha o barro, nos moldará até que uma nova
vida seja formada. Não ficará nada do velho retrato. A nossa
vida se tornará nova, autêntica, brilhante, capaz de
contagiar e alegrar a todos que nos vejam daquele momento em
diante.


Com Cristo no coração seremos cristãos. Com o amor de Cristo
em nossas vidas, seremos generosos e amorosos. Com a fé que
Ele plantar em nossos corações, seremos capazes de
ultrapassar barreiras, atravessar tempestades, escalar
montanhas de dificuldades. Com a presença da Verdade dentro
de nós, a hipocrisia será derrotada, a mentira será banida,
a falsidade não será mais convidada. Seremos o que somos e o
nosso retrato espiritual nos mostrará, ao mesmo tempo, por
dentro e por fora. Todos verão Cristo em nós e saberão que
somos, sem dúvidas, filhos de Deus.


Você continuará mostrando o velho retrato ou chamará o
Senhor para tirar um retrato novo?

DEUS te abencoa meu irmao(a).

Yola Tatiana Veiga Bastos

22 August 2011

Que Devo Fazer?



''Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação,
perseverai na oração" (Romanos 12:12).


"Quando as pessoas acham que a vida que levam é demasiado
estressante, praguejam e dizem palavrões, ou entram em
depressão, ou se embriagam, ou oram."


Quais têm sido as nossas reações diante das agruras da vida?
Como temos enfrentado os problemas que têm surgido diante de
nós? Qual o nosso estado de espírito em tais situações?
Choramos? Murmuramos? Recuamos? Ou resistimos, confiamos,
avançamos com coragem e fé?


Uma garrafa de bebida não me devolverá a paz, não curará uma
enfermidade na família, não me providenciará dinheiro para
as despesas da casa, não resolverá qualquer outro problema.
O mesmo podemos dizer do mau-humor, ou das pragas, ou dos
palavrões. Também não adianta eu me fechar no quarto, não
querer falar com ninguém, fugir da vida. Que poderia eu
fazer nessas ocasiões?


Talvez existam outras opções, mas creio que a melhor de
todas é "orar", buscar a Deus, crer na Sua provisão, crer em
uma solução plena e definitiva. O Senhor nos ama e deseja
que confiemos nEle nas horas de dificuldades. Ele é o
Príncipe da paz, o Senhor que nos sara, o que abre as
janelas dos Céus e supre todas as nossas necessidades. Com
Ele não pode haver tristeza, nem depressão, nem estresse.


Deus é amor, é fonte de alegria e bênçãos. Com Ele ao nosso
lado, os caminhos da vida são mais fáceis de percorrer, as
tempestades logo se acalmam, o sol sempre volta a brilhar.
Ele é o Amigo a quem podemos recorrer em qualquer
circunstância e que jamais nos decepcionará. Ele é fiel,
sempre.


O que você faz quando se aborrece? Se não costuma entregar
tudo ao Senhor, experimente fazê-lo e verá que é a decisão
mais sábia para recuperar sua alegria e felicidade.

DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola T V Bastos

20 August 2011

A Bênção Do Lado De Dentro



"Deleito-me em fazer a tua vontade, ó Deus meu; sim, a tua
lei está dentro do meu coração" (Salmos 40:8).


"Eu lembro bem que, quando era menino, nós tínhamos uma
grande cozinha do lado de fora da casa e fazíamos as
refeições do lado de dentro. Agora nós temos uma grande
cozinha dentro de casa e todos fazem as refeições fora."
(George Sweeting)


Aproveitando o comentário de nossa ilustração, referindo-se
à dispersão familiar, eu quero refletir sobre a nossa vida
cristã.


Quando Cristo estava do lado de fora de nossos corações, o
que fazíamos? Quais as nossas atitudes? Vivíamos do lado de
dentro de nós mesmos! O que importava era a nossa vontade, o
nosso ego, o nosso egoísmo, as nossas vaidades, o nosso
orgulho, a nossa pretensa liberdade que nos levava a pensar
que não tínhamos de dar satisfação de nossos atos a ninguém.
Vivíamos dentro de nós e, por isso, não sabíamos o que era
alegria ou felicidade.


Quando percebemos que estávamos seguindo o caminho errado e
reconhecemos a necessidade de Deus em nossas vidas,
convidamos Cristo a morar dentro de nós. Agora, tudo seria
diferente e a tão esperada felicidade seria desfrutada.
Porém, isso não acontece com muitos de nós. Por que? Por que
nossos dias continuam os mesmos? Por que não se tornou real,
em nós, o que ensina a Palavra de Deus?


É possível que, depois de convidarmos Jesus a morar dentro
de nossos corações, passamos a viver do lado de fora. O amor
do Senhor está dentro de nós , mas, nós estamos do lado de
fora de Seu amor. A graça do Senhor está dentro de nós, mas,
nós andamos, dispersos, do lado de fora de Sua graça. Os
cuidados do Senhor estão dentro de nós, mas, nós, como
rebeldes, nos afastamos de Seus cuidados. O Senhor, do lado
de dentro, nos ensina a caminhar nas sendas da santidade,
mas, nós, desobedientes e indiferentes, teimamos em seguir
os becos do pecado.


Será isso o que desejamos? Não! Queremos a bênção de Deus.
Queremos o Seu carinho e a Sua proteção. Queremos vencer o
mundo e andar de mãos dadas com a felicidade.E, se o lugar
onde nos alimentamos espiritualmente não é mais "do lado de
fora" da presença do Senhor, vamos aproveitar que ele está
em nossos corações para nos alimentar, bem e diariamente, de
todos os manjares que Ele tem para nos oferecer.

A Lei do Senhor está dentro de nossos corações. Jesus
também. Por que andar do lado de fora?


DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola T V Bastos

18 August 2011

Aprendendo A Ser Um Violino Espiritual



"Faz cessar a tormenta, e acalmam-se as suas ondas. Então se
alegram, porque se aquietaram; assim os leva ao seu porto
desejado" (Salmos 107:29, 30).


Um velho fabricante de violinos escolhia, para a confecção
de seus instrumentos, o lado norte das árvores, pois, era
este lado que enfrentava os mais ferozes vendavais. Quando
as tempestades assolavam as árvores, batendo violentamente
contra elas, envergavam e gemiam, mas, era isso que lhes
dava a força. O fabricante de violinos, dizia: "Elas estão
simplesmente aprendendo a ser violinos." (Jeris E. Bragan)


Muitas vezes nos sentimos como árvores atingidas por
tormentas. Ventos de sofrimentos nos assolam. Raios e
trovões nos mostram as lutas financeiras. Nuvens negras de
solidão e abandono nos enchem de angústia e desespero.
Tentamos nos abrigar da tempestade espiritual que nos
apavora e não encontramos um lugar adequado. Corremos para
um lado e para outro, gememos, choramos, mas tudo parece em
vão.


E o que podemos esperar de tal situação? Poderíamos tirar
algum proveito das lutas enfrentadas? Sim! É possível -- ou
quase certo -- que tais momentos servirão de fortalecimento
para uma vida plena de grandes conquistas e vitórias. As
dificuldades, quando ultrapassadas, nos enchem de fé e
esperança. Os obstáculos, quando vencidos, fortalecem os
nossos músculos espirituais. Os ventos impetuosos,
empurrando-nos para lá e para cá, nos darão um equilíbrio e
uma vida confiante , difícil de derrubar. Quando
atravessamos, com sucesso, as intempéries da vida, nos
credenciamos a seguir o resto do caminho em solo firme e
pavimentado.


Se você está enfrentando tempestades em sua vida pessoal, ou
conjugal, ou profissional, não se deixe abater. Persevere,
creia que o Senhor está lhe preparando para uma vida
vitoriosa e abençoada.


Tomando como referência a nossa ilustração, você está
aprendendo a ser um violino espiritual.

DEUS te abencoa meu irmao(a)


Yola Bastos

16 August 2011

Coisas Pequenas E Grandes


"E o seu senhor lhe disse: Bem está, servo bom e fiel. Sobre
o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo
do teu senhor" (Mateus 25:21).


Uma boa reflexão para aqueles que só desejam trabalhos
grandes e importantes... "Entre as coisas que são muito
pequenas para você se importar e as coisas que estão além de
sua capacidade de realizar, você faz muito pouco para o
Senhor Jesus Cristo."


A Palavra de Deus nos mostra que, quando somos fiéis nas
pequenas coisas, o Senhor nos abençoa e nos coloca sobre as
maiores. Como poderemos almejar coisas grandiosas se não
somos capazes de lidar com as menores? Como poderemos
confiar que nossos grandes sonhos serão alcançados se não
temos fé e nem paciência em relação aos pequenos? Como
poderemos almejar grandes conquistas se desanimamos no
primeiro fracasso?


O verdadeiro filho de Deus entende que precisa se colocar no
centro da vontade do Senhor para ser usado, tanto em relação
às coisas aparentemente insignificantes como em relação às
coisas que parecem impossíveis de realizar. A obra não é
nossa e sim de Deus. Não há nada que seja tão pequeno que
não valha a pena e nada que seja demasiado grande que não
sejamos capazes de fazer. Tanto nas pequenas como nas
grandes coisas, a força e a vitória vem do Senhor.


Quando o Senhor Jesus está em nossos corações, não existem
coisas pequenas e nem coisas grandes. O que existe é
obediência e fé. Se cremos que a vontade de Deus é soberana,
cremos que tudo é importante. Tudo é possível para Deus e
tudo é possível para aquele que crê. Se eu creio que Deus
deseja que eu o obedeça em algo pequeno, esse algo será,
para mim, muito grande. Se eu creio que Deus deseja que o
obedeça em algo muito grande, esse algo não me parecerá tão
grande, porque a minha confiança está no poder de Deus que
me escolheu para fazê-lo.


Nada é pequeno quando servimos a um Deus Grande


DEUS te abencoe meu irmao(a).
Yola Bastos

12 August 2011

Repartindo Amor



"Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas
Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a
na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si
mesmo por mim" (Gálatas 2:20).


Um homem passava por um grupo de crianças e notou que todos
estavam chorando ruidosamente. Aproximou-se de um pequeno
menino e perguntou: "O que aconteceu? Por que todos vocês
estão chorando?" Entre soluços o menino respondeu: "Todos
nós temos uma dor no estômago do Billy". Isto é verdadeiro
amor por aquele que está sofrendo.


Quando entendemos a vontade de Deus e o motivo pelo qual nos
chamou para Sua obra, o "Cristo vive em mim" não é apenas um
versículo contido em uma Epístola de Paulo, mas uma
realidade em nossa vida espiritual e uma forma de
glorificarmos o nome de Jesus.


Ao recebermos Cristo no coração, Ele passa a viver em nós e
nós passamos a compor o Seu corpo. Compreendemos que
precisamos viver em harmonia e que essa harmonia será
fundamental para a saúde espiritual de todos. Ao vivermos em
comunhão uns com os outros, todos seremos felizes e as
bênçãos de Deus serão abundantes em nossas vidas.


O filho de Deus deseja desfrutar do amor do Senhor. Deseja,
também, que todos desfrutem deste mesmo amor. O filho de
Deus encontrou, em Cristo, a salvação de sua alma. Almeja,
ao mesmo tempo, que todos sejam, também, salvos pelo Senhor.
O filho de Deus descobriu, ao encontrar-se com Jesus, que
"tudo é possível ao que crê". A sua vontade, a partir daí, é
que ninguém esteja desanimado e triste, como se não houvesse
solução para seus problemas. Sua maior alegria é proclamar,
com grande determinação, que o Senhor dos senhores acalma
tempestades, cura enfermidades, supre necessidades
financeiras, transforma os derrotados e tristes em pessoas
vitoriosas e completamente felizes.


Se seus amigos estão sorrindo, abrace-os e sorria com eles.
Se estão tristes, abrace-os e sofra com eles. Jesus encheu
seu coração de amor... reparta-o com todos.

DEUS te abencoe meu irmao(a).

Yola Bastos

11 August 2011

Dando Frutos No Calor E Sequidão



"Bendito o homem que confia no SENHOR, e cuja confiança é o
SENHOR. Porque será como a árvore plantada junto às águas,
que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia
quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de
sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto" (Jeremias
17:7, 8).


"Se você quer que seu pai cuide de você, isso é
paternalismo. Se você quer que sua mãe cuide de você, isso é
maternalismo. Se você quer que Tio Sam cuide de você, isso é
socialismo. Se você quer que alguns comunistas assumam o
governo e cuidem de você, isso é comunismo. Se você quer
cuidar de si mesmo, isso é americanismo. Se você entrega
tudo para Cristo e quer que Deus cuide de você, isso é
Cristianismo de verdade. Naturalmente, você será chamado de
"quadrado", ou "extremista", ou "maluco", mas, você terá o
melhor, agora e por toda a eternidade."


Nada podemos fazer de melhor, para nossa vida e felicidade,
do que colocar nossos anseios, nossas dúvidas, nossas
inquietudes, nossa esperança, nossa fé e cada uma das
decisões a tomar, diante do altar de Deus. Com Sua graça,
Sua unção e Sua direção sábia e santa, não erraremos o
caminho e nem nos arrependeremos de cada passo dado.


Quando nossa confiança está depositada em pessoas desse
mundo, quer sejam boas ou más, corremos o risco de nos
decepcionar, de não chegar a lugar algum e de não conseguir
a vitória almejada. Quando nossa fé está depositada no nosso
Senhor e Salvador, podemos seguir em frente sem temor,
cientes de que tudo dará certo e que os nossos sonhos serão
realizados.


Mesmo que tenhamos de enfrentar desertos áridos e que o
calor dos problemas tente nos sufocar, o Senhor será sempre
um manancial de águas na sequidão.


Não perca a fé... confie e todos verão os seus frutos de
bênçãos.
 DEUS te abencoe meu irmao(a).

Yola Bastos