1 December 2011

Um Silêncio Retumbante


"É necessário que ele cresça e que eu diminua" (João 3:30).


A regente da banda de música de certa escola de primeiro
grau disse, em um dos ensaios: "Se alguém não se sentir
seguro de sua parte, apenas finja tocar". Quando o grande
dia da apresentação chegou, ela agitou sua batuta
animadamente e... nada aconteceu. A banda se mexia, para a
frente e para trás, com um retumbante silêncio.


Quando nos sentimos inseguros no tocante ao que fazer ou ao
que falar, deixemos que Cristo aja e fale através de nós. Se
não nos sentimos competentes para realizar grandes coisas
para o reino de Deus, deixemos que o Senhor dirija nossos
passos e nossas decisões. Se não somos capazes de pregar o
Evangelho da salvação, nada devemos temer... Cristo fará com
que nossa vida silenciosa seja uma pregação poderosa e
eloquente.


Que a nossa vida seja silenciosa no que tange à vaidade, ao
orgulho, ao egoísmo, à altivez. Que seja silenciosa em
relação a mentira, à mesquinhez, à falsidade.


Queremos que a platéia ao nosso redor ouça, de nossas vidas,
somente o som do amor de Deus, do louvor verdadeiro, da
verdade que liberta e transforma.


Não devemos proclamar o que fazemos para Deus. Não devemos
tocar trombetas para que todos vejam nossas obras. Não
devemos usar o nosso trabalho cristão como forma de promoção
pessoal. O que fazemos é para a glória do Senhor, para o
engrandecimento de Seu nome em toda a terra.


Que o mundo ouça, através do silêncio retumbante de nosso
eu, o nome do Senhor e Salvador Jesus Cristo ser proclamado
noite e dia.


Você tem deixado, em silêncio, o Senhor falar em alta voz
através de você?
DEUS te abencoe meu irmao(a)
Yola Bastos

No comments:

Post a Comment